Banner
Aldair Gonçalves perguntou:

O que é submissão? A mulher deve submeter-se a vontade do esposo?

Tirem-me uma dúvida. Quero abordar a (submissão), e um pensamento hipotético.
Em efésio 5:22-25; Colossenses 3:18-19 aborda o amor do marido e a submissão da esposa, e em Gênesis 2:18 conceitua-se a mulher como 'auxiliadora". Caso ambos tenham quer tomar uma atitude, e os dois pensamentos são apreciáveis, responsáveis, satisfatórios, e ambos são qualificados. A mulher deve submeter-se as decisões do marido? Por mais que o seu plano seja de qualidade?

Anúncios
Avatar blank
Lu respondeu:

A submissão da mulher ao marido (que a Bíblia fala em Efésios 5.22 a 25) tem sido distorcida por muitos, há muitos séculos, talvez milênios.
Então, o que é "ser submissa"?
É a mulher reconhecer o sacerdócio do homem sobre a família.
E como funciona isso na prática e no dia a dia?
A mulher precisa ser protegida, é algo que faz bem à mulher.
Ser submissa (à maneira de Deus) é estar debaixo da proteção do marido, é deixar ele SER HOMEM, é a mulher deixar ele CUIDAR e PROTEGER ela e os filhos da forma que Deus quer que ele cuide: especialmente sendo o pastor e conselheiro de sua família, e o provedor da segurança material.
É claro que para um homem conseguir ser tudo isso, ele precisará ter Jesus Cristo como seu "Cabeça", sua liderança, seu Senhor, Seu Dono a quem o homem será então SUBMISSO.
Da mesma forma que o homem, a mulher tem que cuidar sendo edificadora do lar e da família. Porém a Bíblia não exige da mulher um amor pelo homem a ponto dela morrer por ele! Isso é exigido SOMENTE DO HOMEM para com a mulher! Portanto a parte dos homens no casamento é MUITO MAIS PESADA e mais difícil que a parte das mulheres! É a dura verdade que muitas mulheres não percebem! E é por isso que muitos homens (crentes) TEM MEDO de se casar e de assumir essa RESPONSABILIDADE de constituir família.
Na verdade, ser submissa a alguém é muito mais fácil do que ter que amar alguém a ponto de morrer por essa pessoa!
Mas a submissão da mulher dá direito ao marido de subjugá-la?
Não. Não é bíblico.
Ser submissa ao marido não é ser MENOS importante que ele, também não é ser inferior a ele, nem ser oprimida ou subjugada por ele... se ele fizer isso, ele estará maltratando sua mulher, e por isso estará descumprindo sua parte na aliança do casamento.
Se ele fizer isso, ele estará DESOBEDECENDO a Palavra de Deus! Pois foi o próprio Apóstolo Paulo (que defendia tanto o recato das mulheres) quem disse para os maridos que eles deveriam amar sua mulher como Cristo amou a Igreja, a ponto de MORRER por ela! (Efésios 5.25).
Portanto, biblicamente, a mulher deve ser cuidada e protegida pelo marido, e ele não deve medir esforços para isso. Ele deve amá-la e cuidar dela como Cristo amou a Igreja.
Quando o homem é assim, a submissão da mulher é algo totalmente PRAZEROSO para ela e para o marido, não é forçado, não é pesado, não é desagradável, é maravilhoso!.

Anúncios