Banner
Alguém perguntou:

Me ajudem! Não sei oque faço

Paz de Deus irmãos!
Venha aqui hoje pedir ajuda para vocês e principalmente oração. Tenho 16 anos e algum tempo conheci um rapaz da minha tribo ele tem 24 anos.Nos dois somos pessoas cristãs e com Deus em primeiro lugar. Nosso interesse um pelo outro é mutuo e genuíno. Mas como sou mais nova que ele não sei como prosseguir, ja tive uma experiência com outra pessoa que pensei que nosso relacionamento fosse de Deus mas não era. Agora sinto que parte de mim quer seguir a diante e outra parte tem medo de se machucar. Ele verdadeiramente é um homem de Deus,trabalhador e estudado , mas não sei nem como contar aos meus pais que converso com ele devido a diferença de idade não sei se meus pais aceitariam. Mas cada dia que passa gosto mais dele e vejo que nosso relacionamento é inocente e de Deus. Meus pais pensam que não quero namorar mas sempre me deram apoio em tudo.
Me ajudem,não sei oque eu faço.
Paz irmãos.
Abraços

Anúncios
Picture?width=100&height=100
Icon7 Icon3
Marcia Aquino respondeu:

Olá, a paz.

Se você já orou, e o rapaz também, não vejo o motivo para não trazer para as claras este relacionamento.
Se seus pais são pessoas compreensivas, e te apoiam, dê a eles a chance de te orientar naquilo que eles foram criados para fazer, que é serem os seus pais de maneira plena, e não "parcialmente".
Quando um rapaz cristão, apresenta "maturidade" em sua vida eclesiástica e secular, ele se torna um bom partido, um candidato excelente, na maioria dos casos.
Fale com seus pais, se for da concordância deles, para que ele possa frequentar a sua casa, para que vocês possam ir se conhecendo melhor, para que, no futuro, você e ele possam decidir se chegarão a um patamar mais elevado nesse namoro.
O que não deve haver é um "segredo" nessa história... nós cristãos devemos "fugir da aparência do mal". Se ele tem boas intenções contigo, longe de sua casa, o que mudaria se ele assumisse um compromisso "oficialmente"? Eu creio que nada...apenas, vocês teriam as bençãos de seus familiares, e as de Deus, em primeiro lugar.
Faça isso, ore e proponha a ele um compromisso mais sério, diante de Deus e dos homens... se ele concordar, pode investir seu tempo com a maior tranquilidade.
Que Deus te abençoe em sua decisão.

Picture?width=100&height=100
Icon7 Icon3
Marcia Aquino respondeu:

Amém, minha amada!
Que Ele te abençoe em seus propósitos também!
Graça e paz!

Avatar blank
Alguém respondeu:

Obrigada irmã, com certeza ajudou muito!
Que Deus te abençoe! !

Anúncios