Banner
Anúncios
Avatar blank

Namoro um rapaz há pouco tempo, mas ainda amo e oro pela restauração do meu noivado.

Eu namorei durante 5 anos, dos 14 aos 19 com uma rapaz evangélico e eu era católica na época. Foi amor à primeira vista, literalmente. Íamos à igreja juntos, orávamos juntos, era tudo lindo no início, e depois de dois anos, começaram as brigas, que tipo: saímos bem, íamos a igreja e quando voltávamos, brigávamos, nos ofendíamos, mas eu queria ele. Aí cheguei a conclusão que a igreja não adiantava mais, resolvemos seguir sozinho, sem igreja no meio. Antes de nos desviarmos definitivamente, ficamos noivos. Aí eu concluí o ensino médio e fui pra faculdade de Direito em outra cidade, a 160 km da minha. Durante o primeiro semestre, eu tive um surto psicótico, tive que sair da faculdade, e voltar pra minha cidade, quando voltei, percebi que tudo havia mudado, inclusive ele. E o sentimento dele por mim, ai eu voltei pra Cristo, e não pro templo, voltei pra Jesus, me reconciliei com Ele, aí Jesus me curou.
Só que antes disso, de 4 psiquiatras que fui todos disseram que não haveria mais jeito, que eu seria dependente de minha mãe pra tudo, que eu jamais poderia parar de tomar os medicamentos e ter uma vida normal. Acredito que a família dele ou amigos (olha eu julgando) falou algo do tipo: Sai dessa barca furada. Certo tempo depois, ele me traiu, assumiu a moça, e isso me causou muita angustia e dor, tive uma recaída e voltei a tomar medicamentos controlados. Depois de 1 ano que terminamos, resolvi retomar minha vida e frequentar uma igreja, encontrei a Igreja Batista Nova Sião que me acolheu. Conheci um rapaz que também era desviado e juntos começamos a dividir a mesma fé, ele é 4 anos mais novo que eu, no começo isso não pesava, não que hoje pese, enfim, ele tem 18 e eu faço 22.
O problema não é a diferença da idade, a gente briga diariamente, ele usa argumentos baixos, do tipo: Volto pro mundo se você me deixar, eu morro se você acabar o namoro, eu ainda tô com ele por medo, do jeito que o inimigo é astuto, mas ele já esta derrotado em nome de Jesus. O problema é que eu sofri tanto quando fui "largada" que não desejo que ele sofra igual, aí tento me afastar, tô errada eu sei, mas não sei como agir, e eu ainda amo o meu primeiro namorado. Todos que conhecem minha historia diz que nossa aliança não foi quebrada, que eu preciso lutar por esse amor. Ele no momento está solteiro, a 'moça' o traiu, ele continua desviado dos caminhos, vai em festas... Enfim, gostaria que alguém de fora, com sabedoria de Deus, e experiencia de vida cristã me ajudasse, com uma palavra de fé, força, acredito muito em Deus, mas às vezes entrego nas mãos Dele e depois, quando vejo que tá demorando, que o tempo tá passando, eu vou e tiro das mãos Dele, aí eu sofro repentinamente. A cidade que moro é pequena, tenho receio de conversar com meu pastor e ele interpretar mal. Graça e Paz.

Avatar blank

Meu marido usa drogas. O que fazer?

Ola boa tarde! Bom vou resumir um pouco da minha historia. Fui casada há catorze anos mas não amava meu ex marido, daí conheci um rapaz no qual me apaixonei, que me completa, no começo fui errada em trair meu ex marido, eu não frequentava nenhuma igreja, mas sou batizada. Bom estou com esse rapaz já fazem 3 anos e temos um menino lindo, que por várias vezes na gravidez rejeitei a ponto de tomar ate remédios, mas Deus tem um propósito. Eu não posso engravidar e tomava anticoncepcional há muito tempo e mesmo assim engravidei de um lindo menino. Eu e o meu marido (o rapaz) moramos juntos e estou frequentando novamente a igreja, ele é católico, mas temos um sério problema, ele é usuário de drogas e está cada vez mais difícil de lidar com ele. Agora ele começou a me agredir, eu o amo e sei também que ele me ama. Nosso amor é puro. Mas por causa das drogas se torna difícil a convivência. Não sei o que fazer. Tem horas que quero largar ele, mas não consigo. Alguém já passou por isso?Obrigada.

Thumb 11350459 698516263591606 389490848394969175 n

Me ajudem irmãos e irmãs.

Meus irmãos orem por mim. Eu trabalho de apóstolo na minha cidade e faço trabalhos muito fortes de evangelismo, só que uns dias pra estou desanimado porque minha companheira me deixou, por uma outra pessoa que não serve a Deus. Pegou tudo que a ela pertencia, meu amor, meus ensinamentos da palavra e saiu. Mesmo assim estou em sentindo nela porque eu a amo demais, estou em constante oração e jejum. Me ajudem em nome de Jesus.

Avatar blank

Como edificar ainda mais minha fé no Senhor e aprender a passar pela sua correção ?

Eu me chamo Carol, tenho 24 anos e tenho acompanhado pelas redes sociais a página do Pr Antônio Junior e tem sido uma benção para mim. Eu gostaria muito de pedir oração aos irmãos e irmãs conectadas nesse fórum por minha vida. Em abril deste ano, completei um ano que sigo o evangélio, porém, eu cometi muitos deslizes recentemente à minha conversão. Ambas as situações que irei relatar, trata-se de relacionamentos. Eu namorava com um rapaz, aparentemente muito vistoso e culto, eu me apaixonei logo que o vi, então namoramos por um ano e alguns meses, mas ele não se dava bem com meu pai, e no ano em que me converti, passou-se uma semana no mês subsequente ao da minha conversão eu o deixei pelas inúmeras barbaridades que ele falou em relação ao meu pai e a minha família. Eu machucada com tudo, passando-se uma semana após o termino eu me envolvi com outro rapaz, e como cristã, eu agi completamente errado, e eu fiquei insistindo nesse novo relacionamento porém não deu mesmo certo, depois de dois meses um rapaz da minha igreja se aproximou e demonstrou interesse por mim, e eu mais uma vez agi por impulso, e decidi engatar em mais um relacionamento como forma de cada vez mais esquecer o que havia acontecido em minha vida, mas eu só estava me machucando cada vez mais, então deixei esse rapaz da igreja. Passou-se mais alguns meses e o meu ex namorado que ainda fazia parte dos meus pensamentos (o que eu namorava antes de me converter, o qual não se dava bem com o meu pai) ficava ainda indo pra minha igreja, e um dia, decidi chegar e conversar com ele sobre tudo o que tinha acontecido entre nós. E na semana do meu aniversário, eu e ele voltamos, porém irmãos e irmãs, eu cometi muitos deslizes, bem como ter relações com ele e isto é um pecado com relação a mim como cristã, mesmo eu participando de todas as reuniões da minha igreja, algumas vezes até ele indagava que eu estava trocando ele pela igreja, mas eu não deixava de ir as reuniões pra estar com ele. Mas irmãos o peso em meu coração se dar por esse fato de eu me manter tendo relações com ele antes do casamento e isto tem me consumido muito, tenho passado noites em claro, sem saber se o Senhor tem misericordia de mim, pois fui muito falha. Irmãos e irmãs me ajudem a passar pela correção do Senhor, a edificar mais a minha fé e a seguir o caminho da verdade. Por favor.

Avatar blank

Tenho dúvidas se estou no caminho certo!

Olá, tenho me sentido muito angustiada, fui casada por 6 anos e a 3 anos e meio meu ex marido saiu de casa, entre várias idas e vindas foi o ponto final. Há 1 ano e meio conheci uma pessoa e hoje estamos noivos, mas vivemos praticamente como casados, pois dormimos juntos todos os dias, iremos nos casar no ano que vem. Sigo uma vida reta com Deus, leio a palavra e vivo uma vida de oração, mas esse fato me faz duvidar se sou merecedora das bençãos de Deus! Preciso de aconselhamento.

Thumb fb img 1432846257861

Preciso muito de um conselho. Há 4 anos que sou separada do pai do meu filho.

Nesses 4 anos de separação, ficamos várias vezes. Hoje sou serva de Deus e ele tem uma namorada, só que eu amo muito e quero muito que Deus muda e transforma a vida dele, para juntos fazermos a obra e criarmos nosso filho. Não sei se oro por ele. Não sei se é da vontade do Senhor. O que eu faço???

Thumb img 20141217 105736333

Gostaria de encontrar um amigo de verdade.

Eu gostaria muito de ter uma pessoa pra conversar.

Avatar blank

Por que só homens casados me querem?

Sinto vontade de ter um relacionamento normal como todos tem, mas não sei o que acontece, porque só homens casados querem se relacionar comigo. Já vivi 13 anos como amante, mas já acabou graças a Deus. Só que agora apareceu outra pessoa. Não quero mais essa vida. Será que é uma maldição por eu ser filha de um relacionamento desse?

Avatar blank

O que eu faço pra mudar a situação?

Oi pessoal, gostaria muito de uma orientação... Namorei durante 1 e 5 meses, no começo ele era indeciso, por já ter passado por uns maus bocados em relacionamento, inclusive os próprios amigos falavam, que ele não tinha sorte com mulher. Começamos a namorar e depois ele já quis terminar ai eu pera ai? Tu me pediu em namoro p terminar com um mês ? Ta pensando q eu sou o q ? Brinquedo ? Relacionamento não é assim, falei q eu ainda não morria de amor por ele q eu estava construindo isso e tal, dai ficamos juntos. Passando-se isso passamos vários meses bem e começou as reviravolta todas novamente, ele é bastante complicado e influenciado pelos amigos.

Passamos uns três meses na crise e terminamos mais ele não apagou fotos, nada. Continuava tudo lá, ele me dizia muitas palavras duras q gostava de mim e que não me amava, que nao queria mais, pois mesmo que pensasse em voltar não queria me fazer chorar de novo, fui orando pedindo a Deus o melhor, confesso q sou bastante ansiosa e não deixava ele nem sentir minha falta. Mais ai passei uns dias sem falar e ele veio atrás. Nossa voltamos, ele mudou muitoooo, me dava amor, carinho atenção, não ligava pras opiniões dos amigos mais, fomos bastante felizes, só que eu sou complicada, tenho q confessar q o erro foi meu em partes, pois eu me chateava por tudo, não entendia, fui imatura, fazia as vexes tempestade onde não deveria. Não fui sabia em meu namoro, não soube controlar meu impulsos e confesso q minha ansiedade também não ajudava. Hoje terminamos novamente ele não me quer mais de jeito nenhum. No dia q terminamos, no outro dia fui a igreja, pra tentar minimizar a minha dor, me questionava se as minhas promessas não ia acontecer ?! Queria muito ter casado com ele, estávamos construindo isso, procurávamos apartamento, e pensávamos em casar, mais tudo mudou e hj ele diz q nao pensa mais em ter uma vida comigo. Que não me quer mais, não senti vontade de estar maia junto. E quando estava na igreja, já tínhamos terminado, dai eu dizia meu Deus se não é de tua vontade tira do meu coração, mais se for ajeitar esta situação... E foi ai q recebi a palavra que dizia assim "Deus não esqueceu suas promessas ele vai cumprir com todas, desde q você chegou eu via uma história muito complicada, e Deus te trouxe aqui pra dizer q vai descomplicar, pq só ele pode descomplicar essa história, daí, ele disse Deus vai lá e vai descomplicar, e o q tem tudo p dá errado vai dá certo." eu chorava incontrolável na igreja. Já faz um mês que estamos separados, ele vive se divertindo com os amigos... Eu mando emails todos os dias, sei que deveria deixar Deus agir e fazer o melhor, mais não consigo, amo demais ele, e me DÓI até imaginar ele com outra. Eu não permito nem ele sentir minha falta, quando ele pista foto em algum lugar com os amigos, eu vou falar com ele, ele diz que não tem volta, que não quer mais, que não dá certo, que ele não senti mais vontade de construir una vida comgo, falo p ele que mudei, ele diz q é tarde, que não quer mais. Não Sei o q fazer, me sinto angustiada, pq eu deveria ter sido sabia, e não fui né, quando acontecia algo em vez de resolver na calma era explosiva, estressada. Ultimamente ando bastante fraca na fé, não sei nem como orar.

Obs: ele não tem religião, diz q não gosta de seguir doutrinas já chamei ele p ir p igreja. E da outra vez q terminamos ate falou, q ele estava precisando de igreja. E q era o ter ido quando chamei, agora ele não pensa mais assim. Apesar de não ter religião, ele é batizado em varias igrejas evangélicas. Os país dele tbm são evangélicos, e a mãe dele sonhou CMG, antes de me conhecer.

Thumb sem t tulo

Por quê o nosso coração insiste em querer algo imediato?

Sabemos que o amor não deve esperar algo em troca, mas e quando ele quer tanto ser amado? A angústia o consome mesmo sabendo o certo e a verdade sobre o amor.

Anúncios